Ansiosos para conhecer umas dicas para deixar os cabelos mais fortes e bonitos? Pois bem, hoje vamos falar sobre reconstrução capilar, explicando tim-tim por tim-tim o que é esse procedimento, a importância de fazê-lo, como realizá-lo, dentre outros assuntos pertinentes ao tema, para deixar nossas madeixas mais saudáveis, poderosas e prontas para uma nova aventura.

Vamos lá?

O que é reconstrução capilar?

A reconstrução capilar consiste em um tratamento que visa repor proteínas aos fios, em especial a queratina, que é a substância responsável por repor a massa capilar, impedir a perda de nutrientes localizados no interior dos fios, fornecer uma capa protetora às hastes capilares e garantir elasticidade e resistência aos cabelos.

Apesar de oferecer todos esses benefícios, a reconstrução capilar não pode ser realizada indiscriminadamente, tendo em vista que o excesso ou ausência de queratina nos fios pode desencadear diversos problemas.

Qual a importância da reconstrução capilar?

É comum que muitos de nós possuam cabelos quimicamente tratados (progressiva, descoloração, coloração) e façamos uso frequente de chapinha, babyliss e secador.

Além disso, nossos fios estão expostos ao sol, poluição e substâncias encontradas nas águas das praias e piscinas.

Todos esses fatores danificam a fibra capilar, sendo necessário realizar o tratamento de reconstrução com determinada periodicidade, a fim de atenuar ou até mesmo evitar esses danos, mantendo os cabelos mais saudáveis.

Sendo assim, esse tratamento é importante para garantir a saúde dos fios, o que é necessário em qualquer ocasião, principalmente se você planeja realizar uma nova aventura com seus cabelos, como algum tipo de tratamento químico, pois se seus cabelos não estiverem saudáveis, você não poderá efetuar o procedimento devido ao risco dos fios ficarem extremamente danificados.

Como realizar a reconstrução capilar?

A seguir, veja como realizar o tratamento de reconstrução capilar:

Remoção de resíduos

Antes de aplicar a máscara reconstrutora, é preciso que você remova todo o excesso de resíduos presentes em seu cabelo, os quais podem impedir que a queratina penetre no interior dos fios. Para isso, você deve utilizar um shampoo antirresíduos, como o shampoo Keragen Evolution, o qual atua removendo profundamente resíduos depositados por tratamentos cosméticos (metais contaminantes e silicones) poluição e oleosidade.

Assim possibilita que a queratina e outros ativos penetrem mais profundamente na fibra capilar.

Aplicação de máscara reconstrutora

Após eliminar os resíduos que possivelmente possam estar depositados em seu cabelo, é o momento de aplicar a máscara reconstrutora, a qual deve conter ativos reconstrutores, como o Creme de Tratamento Keraton Evolution Sela Cutícula (repositor da massa capilar perdida) a Máscara Phytogen Inner Fusion (repõe em 3 minutos os lipídeos e a cistina – a melhor parte da queratina) e o Tratamento de Choque Phytogen Power Treat (de ação anti ruptura em 3 minutos)

Para aplicar, distribua a máscara por todo o cabelo de modo uniforme, massageie mecha por mecha, aguarde o tempo indicado na embalagem e enxágue os fios removendo o produto por completo.

Para intensificar o tratamento, é recomendado envolver os cabelos com uma touca térmica ou toalha aquecida.

Finalização

Após remover a máscara capilar, não é preciso aplicar condicionador, pois o pH dela já é baixo, resultando no selamento das cutículas dos fios. Você pode prosseguir com seus cuidados habituais para finalização, como creme para desembaraçar, protetor térmico e defrizante, por exemplo.

Caso seu cabelo esteja muito danificado e você não tenha tempo para aplicar uma máscara reconstrutora, uma alternativa é optar por um produto reconstrutor capilar, como o Phytogen Power Keratin ou Phytogen RMC Repair, os quais podem ser aplicados após o banho nos cabelos lavados e ainda úmidos

Com qual frequência a reconstrução capilar deve ser feita?

A frequência com que deve ser realizado o tratamento de reconstrução capilar depende das características de cada cabelo. Se ele apresentar os seguintes fatores, você pode estar precisando de uma reconstrução intensiva urgente:

  • fios opacos, ásperos, ressecados e quebradiços;
  • pontas duplas;
  • presença de frizz.

É recomendado realizar uma reconstrução capilar por mês, em caso de cabelo saudável e não quimicamente tratado, duas por mês, em caso de cabelo moderadamente danificado por tratamentos químicos, e quatro vezes por mês em cabelos muito danificados.

É muito importante fazer o uso adequado da queratina, visto que o uso excessivo pode provocar os mesmos problemas causados pela sua falta. Por exemplo, se você utilizar muito seguidamente a queratina para seus cabelos voltarem a ficar macios, a camada protetora que ela proporciona pode impedir que outros nutrientes penetrem a fibra capilar, deixando-os ainda mais ressecados, portanto no seu processo de reconstrução alterne com outros ativos reconstrutores além da queratina.

Os produtos reconstrutores substituem o cronograma capilar?

A menos que uma única máscara capilar seja capaz de hidratar, nutrir e restaurar os fios, não. Aliás, não é indicado dispor de um único creme que efetue todos esses procedimentos, uma vez que cada cabelo necessita com mais ou menos frequência um determinado nutriente, sendo seu excesso prejudicial à saúde dos fios, como vimos no caso da queratina.

É importante manter o cronograma capilar diversificado entre tratamentos hidratantes, nutritivos e reconstrutores, pois cada um deles visa repor aos fios um determinado nutriente, seja água, lipídios ou proteínas.

Concluindo

Como vocês puderam perceber, a reconstrução capilar é um tratamento de fundamental importância para manter o cabelo saudável e preparado para uma nova aventura.

No entanto, não basta focar apenas na reposição de queratina, pois nossos fios precisam de distintos nutrientes para se manterem saudáveis e bonitos e é necessário fazer uso da queratina com responsabilidade, a fim de que o cabelo não fique ainda mais danificado.

E então, o que você está esperando para botar a reconstrução capilar em dia?

Posts Recomendados